A Prefeitura de São Paulo suspendeu a Zona Azul num raio de 300 metros das unidades de saúde, hospitais, ambulatórios, UBS, UPA, AMA, pronto-socorro e estabelecimentos que prestem atendimento de urgência na Capital.

O objetivo é facilitar o deslocamento dos profissionais de saúde  no enfrentamento da pandemia de covid-19. Em São Paulo, a CET já suspendeu o rodízio municipal de veículos por tempo indeterminado.