Nesta quarta-feira a Fifa anunciou liberou US$ 1,5 bilhão, cerca de R$ 7,7 bilhões, para ajudar federações e confederações com os prejuízos causados pela pandemia.

Ao todo são 211 associações e seis confederações, cada uma receberá US$ 1 milhão (R$ 5,1 milhões) para a retomada das atividades e mais  US$ 500 mil para o futebol feminino. A Fifa também realizará empréstimos de até US$ 5 milhões, sem juros. 

“Este plano de assistência é um ótimo exemplo de solidariedade e comprometimento do futebol em tempos sem precedentes. Gostaria de agradecer aos meus colegas do Conselho por aprovarem a decisão de avançar com uma iniciativa tão importante em benefício de todas as associações e confederações.” disse o presidente da FIFA, Gianni Infantino. 

O plano foi aprovado em junho pelo Conselho Executivo da Fifa. 

Fonte: Fifa